PROCURA-SE UM NOVO AMOR

PROCURA-SE UM NOVO AMOR

Normalmente quando se está à procura de um novo amor, começamos a idealizar alguém que nos faça feliz. Temos também o tipo físico que nos atrai e começamos a sonhar com o mesmo. Algumas mulheres, influenciadas por sites ou revistas, fazem uma lista extensa de desejos e expectativas sobre esta pessoa. Esta lista vem recheada de características físicas, idades, conta bancária e muito mais.
Pois bem, você deve imaginar que vou orientá-la para continuar nesta linha de pensamento esperando que o universo lhe presenteie com o que sonhou. Sinto decepciona-la, discordo de A a Z, mas irei lhe orientar com o que venho aprendendo e estudando nos últimos 12 anos na área do relacionamento, autodesenvolvimento e física quântica.

Começo por uma das exigências mais importantes que todas desejam, “Procuro alguém que me faça feliz”. Carga pesada, não é mesmo? Ninguém gostaria de receber esta carga e responsabilidade. A maioria das mulheres, quando procura alguém para amar, costuma vir com uma caixa cheia de feridas passadas, inseguranças, crenças e anseios, procurando alguém que queira amenizar seu fardo e ainda a amar incondicionalmente. Procuram alguém que cure suas feridas, neutralize suas crenças e ainda a faça feliz. Decepcionam-se, pois dizem não encontrar o homem ideal. Mas quem seria este homem ideal? Realmente ele não existe. Ninguém deve lhe fazer feliz. Cuide de suas feridas, procure ajuda para superar duas inseguranças, trabalhe suas crenças e aí sim esteja preparada para atrair alguém que lhe faça mais feliz.

Agora vamos à lista de exigências físicas, cronológicas e mais. Farei uma analogia para poder exemplificar melhor meu pensamento. Imagine que você perdeu um de seus brincos em uma sala. Você está focada em encontra-lo e qualquer coisa que seja diferente daquele brinco não chamará a sua atenção, seja ela importante ou não, você ignorará, pois sua atenção é só no brinco. Estar apegada a características físicas dificultará e muito sua busca e suas chances serão limitadas.

Mas no que devo focar?

Em 1º lugar, volto ao que citei acima, trabalhe suas inseguranças, crenças e limpe seu passado.

No mudo quântico atraímos o que vibramos. Seja a pessoas que você quer encontrar. Pense em como ele faz você se sentir, vibre nesta energia e atraia o mesmo.

A vida não é feita de procura, mas sim de encontros. Desprenda-se e liberte-se dos seus bloqueios, vibre naquilo que você mais deseja sentir e esteja aberta para finalmente receber encontrando tudo que você quer e merece de um grande amor.

Grande abraço,

Margareth Signorelli
Especialista em Relacionamentos
Pós Graduada em Sexualidade pela FMUSP
Gold Stardard e Optimal  EFT Terapeuta

Você também pode gostar

Deixe um Comentário

Devido ao grande número de comentários recebidos nas postagens, criei o SOS RELACIONAMENTOS para poder lhe ajudar da melhor forma, saiba mais e tenha sua dúvida respondida clicando aqui.