QUERO! DEVO?

Seria bom se tudo que quiséssemos fazer pudéssemos realizar e as consequências, se negativas, não nos atingiriam. Mas a verdade não é bem assim.

Entre querer e dever é melhor que exista o ato de pensar.

Neste pequeno vídeo acima cito algumas situações para aprender a nos questionar antes de darmos asas aos nossos desejos e realizá-los sem refletir melhor.

Pensar um pouco mais nem sempre deixa a nossa criança interna feliz, mas como quem assume os resultados é nossa parte adulta, então vale a pena pensar um pouco mais, não é verdade?

Tenha uma ótima semana!

Você também pode gostar

Deixe um Comentário

Devido ao grande número de comentários recebidos nas postagens, criei o SOS RELACIONAMENTOS para poder lhe ajudar da melhor forma, saiba mais e tenha sua dúvida respondida clicando aqui.